logo-tce-menor

Facebook IPC TCE-CE Instagram IPC TCE-CE Twitter IPC TCE-CE Youtube IPC TCE-CE

Visita Cidadã Guiada ao TCE finaliza atividades do semestre contabilizando 240 estudantes

21.06.19

O programa Visita Cidadã Guiada, projeto do Instituto Plácido Castelo (IPC), Escola de Gestão do Tribunal de Contas do Estado do Ceará, realizou nesta terça-feira (18/6) a última atividade do semestre com a recepção dos universitários de Direito da Faculdade Ari de Sá. No total, ao longo dos seis primeiros meses de 2019, foram recepcionados 240 estudantes, sendo 190 de seis instituições de Ensino Superior e 50 da Escola Profissionalizante Lucas Emmanuel Lima Pinheiro, do Município de Iguatu.

 
Os alunos foram acolhidos no auditório da escola superior do TCE, onde assistiram palestra proferida pelo controlador da Corte, José Wesmey da Silva. Ele falou sobre os principais trabalhos que o Tribunal desenvolve como auditorias, análise de contas, tomadas de contas, apuração de responsabilidade, dentre outros. “Para mim é sempre uma satisfação trabalhar como palestrante neste programa, porque estamos aproximando essa parcela da sociedade, que serão os gestores do futuro. É muito importante que eles venham ao TCE para conhecer a importância da existência de um órgão controlador e o seu papel para a sociedade”, explicou.

Hilária Barreto, diretora Executiva do IPC, expôs as principais ações da Escola de Contas aos alunos e acadêmicos da Faculdade. A gestora destacou, entre outros programas, aqueles de educação continuada, como o TCEduc e o Agente de Controle.

Por fim, os estudantes de Direito assistiram parte da Sessão do Pleno do Tribunal de Contas do Estado, no Edifício 5 de Outubro, onde foram saudados pelo conselheiro presidente Edilberto Pontes. “Registro a presença dos alunos, acompanhados pela professora e coordenadora. Sejam todos muito bem-vindos. O TCE tem muita alegria e satisfação em receber estudantes. Venham mais vezes”.
 
Experiência

Acompanhando a turma, Marlene Pinheiro, coordenadora do curso de Direito da Faculdade Ari de Sá, ressaltou a importância dos alunos da instituição vivenciarem a rotina para enriquecer o conhecimento passado dentro de sala de aula. “A visita ao TCE é, sem sombras de dúvidas, uma experiência ao vivo e prática aos alunos. Isso é algo que a academia pode e tem que proporcionar. Estar com eles aqui hoje, até para mim como cidadã, é uma excelente oportunidade. O Tribunal mostra que busca alcançar a transparência que um órgão fundamental do nosso dia a dia precisa ter”. Já para a professora Alessandra Brasileiro, um dos objetivos de fazer a visita com os alunos é promover uma primeira ligação deles com as instituições democráticas e mostrar que elas estão abertas ao público. “Nós desmistificamos a ideia de afastamento do trabalho do TCE à realidade deles”, pontuou.

O estudante Rafael Mendes Belém fez parte da comitiva que visitou as instalações da Corte de Contas. Ele se considera um “fã da área fiscal e contábil” e pretende seguir o Direito Tributário como campo profissional.  “Às vezes, nós estudantes, não sabemos quão o Direito é tão próximo da questão fiscal, como o julgamento de contas. A visita agrega bastante porque vemos isso acontecendo”. Rafael não poupou elogios para a metodologia utilizada pelo Instituto Plácido Castelo na visita. “Já fizemos muitas visitas técnicas no curso, mas a atenção e a recepção que recebemos aqui no TCE foram excepcionais”, finalizou.
 
Sucesso das atividades

Sobre o balanço do semestre, Hilária Barreto considera que o programa foi exitoso. “Nós estamos findando o semestre com uma ampliação de visitas e parcerias com universidades. Foram os seis meses mais diversificados, porque contemplamos alunos dos cursos de Direito e Finanças da Capital e do Interior do Ceará”, comemorou a Diretora do IPC. “É uma oportunidade ímpar, como eles sempre se manifestam, de conhecer uma instituição que exerce o controle externo dos recursos públicos”, completou. 
 
A programação para o segundo semestre do ano ainda está aberta para o agendamento de novas visitas, tanto de instituições que já participaram das visitas como daquelas que desejam trazer seus alunos pela primeira vez.

O agendamento para participar da Visita Cidadã Guiada pode ser realizado pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou através do telefone (85) 3488.5915.

Rua Sena Madureira, 1047 - CEP: 60055-080 - Fortaleza/CE - (85) 3488.1793

Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 e das 14 às 18 horas.

Rua Sena Madureira, 1047 - CEP: 60055-080 - Fortaleza/CE - (85) 3488.1793

Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 e das 14 às 18 horas.